Curiosidades:

Em discurso o ex-vice-Primeiro-Ministro do Canadá, já em 2008 falava sobre OVNIs e sobre as mentiras que o governo dos EUA escondem da opinião pública mundial.

"Eu gostaria de estar de bom humor, mas não estou.

Nós dirigimo-nos para a destruição do nosso planeta, e eu acho que não fazemos caso algum disso.Décadas atrás, visitantes de outros planetas vieram nos avisar sobre a direção que tínhamos tomado e ofereceram-nos ajuda.

Mas ao invés disso, nós, ou pelo menos alguns de nós, interpretaram suas visitas como uma ameaça e decidiram "disparar" primeiro e perguntar depois.

O resultado inevitável é que alguns dos nossos aviões foram perdidos. Mas quantas dessas perdas se devem as medidas de retaliação, e quantas são, de fato, o resultado da nossa própria estupidez, é um ponto discutível.

Wilbert Smith, um dos primeiros canadenses a ter tido um interesse ativo no estudo de OVNI´s, pediu aos visitantes as razões da destruição acidental de um avião que voava nas proximidades de uma de suas naves.

A resposta foi que, se alguns de nossos aviões conheceram um triste fim, foi resultado da incrível estupidez por parte dos nossos pilotos, eles tomavam medidas corretivas para evitar os nossos aparelhos.

Perguntei-lhes o que tinha acontecido e eles disseram: "Bem, os campos a volta das naves, que asseguram assim a propulsão produzindo gravidade diferencial, produz, por vezes, devido ao diferencial do campo temporal necessário ao movimento, combinações de campos que reduzem a resistência dos materiais para o ponto onde eles já não são suficientes para suportar as pressões para que foram calculados."

Como sabemos agora, alguns aviões, especialmente de tipo militar, foram construídos com um fator de resistência relativamente baixo, e nas juntas da estrutura, os materiais já não eram suficientemente resistentes para suportar as tensões mecânicas induzidas , e os aviões, simplesmente, desfaziam-se.

Isso não satisfez os nossos chefes militares que devem ter pensado que era mais importante garantir a superioridade nuclear americana - mesmo que usá-la possa resultar na nossa própria destruição - do que aceitar a sugestão dos visitantes e começar a eliminar o risco para o planeta de um holocausto global.

Os militares foram, e ainda são, tão paranoico que acham que é melhor usar a tecnologia dos visitantes para forçá-los a retirarem-se ao invés de aceitá-los como parceiros de desenvolvimento - embora tenham sido ajudados por alguns renegados que os assistiram no que podemos perceber como progressos diabólicos.
Stephen Bassett, diz que falar de OVNI faz parte do passado, agora devemos falar de Exopolítica. Em teoria concordo, mas na realidade, temos um problema porque a política oficial dos Estados Unidos afirma que os OVNI´s não existem.

O véu do sigilo deve ser levantado agora, antes que seja tarde demais.

É irônico que os Estados Unidos tenham começado uma guerra devastadora - supostamente à procura de armas de destruição maciça - enquanto os desenvolvimentos mais perturbador nessa área ocorrem nos bastidores.

É irônico que os Estados Unidos possam empreender guerras monstruosamente caras no Iraque e no Afeganistão - supostamente para levar a democracia a esses dois países - enquanto que a própria não pode legitimamente reivindicar ser chamada de uma democracia quando triliões de dólares são gastos em projetos em que o Congresso e o comandante-em-chefe, são deliberadamente mantidos afastados.

O que foi realizado em sessenta anos de atividade febril por algumas das mentes mais instruídas dos Estados Unidos?

Será que a América desenvolveu discos voadores que são indistinguíveis das dos visitantes, como alguns afirmam?

E se assim for, o que se propõem a fazer com eles?

De uma maneira mais crítica ainda, que progressos foram feitos no desenvolvimento de fontes de energia não poluentes, que podem substituir os combustíveis fósseis e evitar, assim, que o planeta se torne impróprio para a vida?

Quem tem as respostas? Alguns, mas aparentemente eles não dizem nada, nem aos secretários de Defesa, nem aos Presidentes, porque esses não precisam de saber.

Numa história relatada pelo Dr. Stephen Greer, o presidente Clinton quando foi questionado por Sarah McClendon, uma repórter da Casa Branca, sobre o porquê dele não fazer nada sobre a divulgação do fenômeno OVNI, respondeu "Sarah, há um governo dentro do Governo e eu não o controlo."

esculpem-me, mas será que o comandante-em-chefe, ou seja, a pessoa que tem o controle do fogo nuclear, não tem o direito de saber o que os seus subordinados andam a fazer? ...

Os cidadãos dos Estados Unidos, que pagaram as faturas, têm o direito de saber.

Os Cidadãos do mundo tem o direito de saber porque, para os nossos descendentes, também, o perigo mortal está aqui.

É hora de o povo dos Estados Unidos lançarem uma nova guerra contra o flagelo da mentira, do engano, das trevas, e todos estão envolvidos, a fim de ganhar a vitória da verdade, da transparência e da luz."

Honorável Paul Hellyer

(Discurso proferido a 19 de Abril de 2008)

Fonte: Portal de notícias Agora Vale – pindavale.com.br

 

Notícias:

O caso da Pirâmide vista sobre os céus de Moscow.

 

Estaria realmente esclarecido o caso da Pirâmide vista sobrevoando os céus de Moscow, Rússia?

 

Uma estranha pirâmide voadora planou no céu em plena Praça Vermelha, em Moscow. Testemunhas, entre elas duas pessoas que filmaram e colocaram as imagens no YouTube, comparam o enorme objecto voador com a nave do filme "A Guerra das Estrelas".

OVNI, ilusão óptica, imagens alteradas: Os dois vídeos da pirâmide voadora rapidamente se alastraram na web, transformando-se em tema de conversa entre os internautas, avança a "SkyNews". As autoridades russas não deram até ao momento qualquer explicação para o estranho objecto voador.

Há imagens captadas de noite e de dia. Ao todo, dizem as testemunhas, o objecto pairou sobre a Praça Vermelha durante cerca de quatro horas. Os mais cépticos, põem em causa a veracidade dos vídeos, alegando que se a pirâmide tivesse estado no céu tanto tempo haveria mais filmagens. Entretanto os meteorologistas explicam que o fenómeno se deve a uma massa de ar vinda do árctico, misturada com a luz do pôr-do-sol.Já os ambientalistas atribuem o fenómeno à poluição.

"O Dia da Independência" em Moscow?


O estranho caso da pirâmide voadora surge dois meses depois da capital russa ter assistido a uma formação anormal de nuvens, que levou os mais crédulos a falarem também de presença extra-terrestre.

Em Outubro, quem olhou para o céu de Moscow garantiu sentir-se parte integrante do filme "O Dia da Independência". Com a palavra OVNI a percorrer blogues, redes sociais e jornais russos, os meteorologistas apressaram-se a explicar o fenómeno: tratava-se apenas de uma massa de ar vinda do árctico, misturada com a luz do pôr-do-sol.

Estranho objeto em forma de pirâmide sobre Moscow.

 

Fonte: Site do jornal Expresso - Portugal - 28/12/2009.

Imagens sobre o caso foram parar no You Tube, assim como as da aparição de uma estranha nuvem em forma de lente, sobre os céus de Moscow. As autoridades dizem tratar-se de formações atmosféricas incomuns, porém naturais. Será? Confira:

 

 

Técnico em telefonia pode ter flagrado OVNI no céu do Piauí.

Suposto OVNI no Piauí.

 

O técnico em telefonia Luís Carlos trabalha no ramo há três anos, e comumente tira fotos de paisagens no interior do Estado com seu telefone celular. Semana passada, uma imagem no mínimo estranha surgiu em uma das fotos, e despertou sua curiosidade. Uma mancha vermelha se assemelha a uma nave espacial.

 

As fotos foram tiradas em Campo Maior na semana passada. A imagem mostra o céu da cidade e o sol. Ao lado dele, surgiu uma mancha vermelha arredondada.

 

"Mostrei por meus amigos, mas ninguém acreditava. Já tirei outras fotos e nunca apareceu imagem parecida", relatou Luís, sem entender o que aconteceu com a imagem.

 

Fonte: portal do jornal cidade verde.

Texto: Douglas Cordeiro (TV Cidade Verde) e Fábio Lima (Cidadeverde.com).

 

Analisando:

Ao analisarmos a foto obtida pelo Luís Carlos, podemos comprovar que não se trata de um OVNI, pois a imagem em questão tem explicação. O que aparece na foto é um reflexo na lente da objetiva, que pode ocasionar vários tipos de aberração ótica, sendo a de formato esférico (esférico, cilíndrico, oval, ou elíptica) a mais comum. Essa aberração forma uma imagem simétrica em relação a um foco de luz intenso. Esse efeito surge normalmente com tempos longos de exposição, diafragma totalmente aberto, foco infinito, ambientes com focos de luz intensa da metade para baixo da foto, ou com a metade para cima da foto apresentando o céu escuro.

Podemos reparar que o Luís Carlos fotografou o Sol, ou seja, uma fonte de luz intensa. O Sol ficou da metade para baixo da fotografia e o céu da metade para cima estava escuro. O suposto OVNI, é na verdade uma imagem de um halo de formato elíptico. Portanto, podemos concluir que se trata de um reflexo da lente da objetiva da câmera.

Análise: Sergio Augusto de Azambuja Gonçalves.

31/01/2009.

Notícias:

Turbina eólica pode ter sido danificada por um OVNI na Inglaterra.

Ufólogos britânicos afirmam que uma turbina do parque eólico no condado de Linconshire pode ter sido danificada pela colisão com um OVNI. A turbina teve uma pá de 20 metros arrancada e outra parcialmente destruída. O Conselheiro Municipal Robert Palmer afirmou ter visto uma luz circular branca que parecia estar pairando sobre o local. "É a única maneira que tenho para explicar o que vi. Não era como uma chama. Tinha simplesmente uma luz redonda, branca, com uma borda fina e vermelha que parecia estar sobre as turbinas", disse Palmer. O parque já opera com plena capacidade desde abril de 2008, tendo mais de 20 turbinas.

Segundo a empresa proprietária do parque, a Ecotricity, o epsódio está sendo investigado. A empresa revelou que a extensão dos danos da turbina danificada realmente foi fora do comum. "Até que tenhamos idéia do que aconteceu, nada pode ser descartado", afirmou o fundador da Ecotricity, Dale Vince. "Pois é muito difícil entortar ou derrubar uma dessas turbinas", completou ainda.

O ufólogo Russ Kellett, afirmou ter recebido mais de 30 telefonemas e e-mails de pessoas que afirmaram ter visto atividades de OVNIs na região. "Algumas pessoas disseram ter visto o que parecia ser inicialmente uma aeronave voando baixo na noite de sábado, outras ouviram o som de uma pancada forte nas primeiras horas de domingo", declarou Kellett. O Ministério da Defesa não está investigando o caso porque não houve nenhum registro de violação por atividade militar hostil ou não autorizada.

Turbina danificada 

Fonte: BBC Brasil - Foto: Arquivo BBC

21/01/2009

 

NGC 3370 cortesia Nasa 

O universo está cheio de vida. Uma galáxia pode conter bilhões de estrelas nas quais podem existir vida inteligente.

Notícias:

Garoto afirma ter sido atacado por seres extraterrestres no Ceará.

O caso ocorreu em Itarema, município da região litorânea, que têm chamado atenção até mesmo de especialistas em ufologia, com a notícia de aparições de OVNIs sobrevoando o local. As aparições já acontecem a mais de um mês, mas no dia 2 de novembro, por volta das 19 horas, três garotos moradores da localidade Córrego Salgado, a 25 km da sede do município, foram testemunhas oculares de uma fato inusitado. Janiel, de 6 anos chegou em casa com um ferimento debaixo do braço direito, na axila. Ele contou para a avó que havia sido atacado por um homem de orelhas grandes e unhas de galinha e o mesmo o cortou com uma lâmina semelhante a um canivete. A história contada pelo menino foi confirmada pelo irmão Gilmário e pelo primo José Felipe: "É verdade o que ele disse, eram dois homens que desceram de um disco, pegaram ele e cortaram o corpo dele. Eu vi tudo de cima daquele cajueiro", afirmou ainda que não teve como se aproximar mais por que um vento forte o impedia.

Ferimento debaixo do braço de Janiel

Detalhe da cicatriz.

Fotos: Wilson Gomes.

O local onde o OVNI teria pousado é uma zona rural completamente desabitada. Nas imediações existem apenas três casas onde moram filhos, genros e netos do agricultor Nelson Ribeiro de 70 anos, avô de Janiel. "Eu na hora não quis acreditar na história, mas como o meu neto estava cortado e não saia sangue nem nada, né? Eu até pensei que ele teria se cortado no arame, mas como não sangrava. Daí meu outro netinho mais novo do que ele disse que viu quando dois homens lhe pegaram e um deles tirou um objeto da boca e passou a furar Janiel", disse o avô do menino.

O Sr. Nelson Mostra o local onde o OVNI teria pousado.

Foto: Wilson Gomes.

Raimundo Ribeiro, 33 anos, pai do menino supostamente atacado por extraterrestres, diz acreditar na história do filho. "Meu filho não estuda e nem vê televisão, como é que ele sabe que o que ele viu descer do céu era um disco-voador? Na noite que aconteceu eu fiquei a madrugada inteira acordado olhando pra ele. Estou com muito medo. Até agora não houve mudança no comportamento dele", disse o pai.

No hospital da cidade onde o garoto foi atendido e feita a sutura, ninguém quis comentar o caso e nem informar quem foi o médico que atendeu o menino.

Desde outubro o Centro Sobralense de Pesquisa Ufológica (CSPU) está pesquisando os últimos casos ocorridos na região. Os membros do CSPU estão realizando encontros para discutir as realidades e as fraudes ufológicas na localidade. Os pesquisadores de sobral afirmaram que os relatos de aparições aumentaram após a ocorrência de abalos sísmicos na região.

Fonte: Diário do Nordeste on line.

 

Ex-astronauta da Nasa confirma a existência dos OVNIs.

Edgar Mithel

O ex-astronauta da NASA, Edgar Mitchell declarou abertamente existência dos OVNIs. Aos 77 anos, o sexto homem a andar na Lua e detentor do recorde de caminhada lunar mais longa da história, de 09h17, Mitchell confirmou em entrevista concedida ao radialista Nick Margerrison, na quarta-feira, 23 de julho de 2008. Ele afirmou que soube de muitas visitas de OVNIs na Terra: "Isso foi muito bem acobertado pelos nossos governos nos últimos 60 anos, mas, lentamente está vasando e alguns de nós fomos privilegiados em sermos informados um pouco sobre isso". E acrescentou ainda: "Outros astronautas também o sabem, há anos. Armstrong também viu OVNIs". Durante a entrevista o ex-astronauta disse que revelar a verdade sobre as visitas de extra-terrestres na Terra era um atrevimento de sua parte, mas que não teme por sua segurança. Vale lembrar que Neil Armstrong também fez declarações críticas na cerimônia de comemoração de 25 anos da Missão Apolo 11. Na ocasião Armstrong disse aos estudantes: "Vocês estão entre os melhores da América. Para vocês digo que só completamos o começo. Deixamos a vocês muitas coisas por fazer. Há grandes idéias não descobertas...Avanços disponíveis para aqueles que removerem uma das camadas que protegem a verdade". Bacharel em Engenharia e Aeronáutica e Doutor em Aeronáutica e Astronáutica, Mitchell afirmou ainda: "Vi algumas fotos e a aparência dos extra-terrestres é similar à imagem tradicional que está difundida sobre eles, que são de tamanho pequeno e cabeça e olhos grandes, estranhos aos seres humanos. Contam com ciência e tecnologia avançada, incomparáveis às ciências humanas. Se eles fossem hostis a raça humana, já teríamos desaparecido". E finalizou informando que toda a verdade ou parte dela está para ser admitida pelo governo Norte-americano. " Isso está realmente começando a se abrir. Acho que estamos realmente caminhando em direção a uma real revelação e algumas organizações sérias estão se movendo nesse sentido".

Após a sua entrevista autoridades da NASA rapidamente soltaram uma nota informando que a agência não tem qualquer envolvimento com OVNIs ou informações ocultas a esse respeito. Informaram ainda que Edgar Mitchell é um grande estadunidense, mas que a NASA não compartilha das suas opiniões.

Autor: Tradução Antonio Fontenele.

Fonte: Larry King Live e Saindo da Matrix.

Foto: Wikimedia.org

 

Um detalhe curioso:

Há 61 anos, no dia 08/06/1947, Wilian Brazel descobriu no seu rancho destroços estranhos e informou as autoridades locais. Logo apareceram militares para vistoriar o local e em pouco tempo o fato causou estardalhaço. Soldados de serviço na Base Aérea de Writh Patterson deram o alarme de OVNI que vasou para a imprensa. Assim surgiu um dos mais importantes casos da história da Ufologia que marcou, juntamente com o avistamento de Kenneth Arnold, em 04 de junho do mesmo ano, o início dessa nova ciência. O caso ficou mundialmente conhecido como "Incidente em Roswel".

Noticiário local

Jornal local noticia na primeira página a queda do OVNI em Roswel em junho de 1947.

06/07/2008.

Fonte: Portal G1.

Notícias:

OVNI é avistado por policiais ingleses em helicóptero.

Um OVNI foi avistado sobre a cidade de St Athan, Grã-Bretanha, em 07/06/2008, por 3 tripulantes de um helicóptero da polícia. Os mesmos tentaram manobrar a aeronave de forma que pudessem fotografar o objeto, que no entanto, desapareceu. O incidente foi devidamente registrado para ser posteriormente pesquisado. O helicóptero não iniciou perseguição ao objeto. Sobre isso o Ministério da Defesa informou que: "... helicópteros da polícia realmente não devem iniciar perseguições a supostos OVNIs". Mas, passados alguns dias, surgiu o " famoso desmentido" que provavelmente tratou-se de balões. O casal Lyn e Lucy Thomas, em Lua-de-mel no mesmo dia e horário do ocorrido, informou que haviam soltado balões (glow lanterns - lanternas brilhantes) em substituição aos fogos de artifícios e que os mesmos foram na direção de St Athan. " Tenho certeza de que foram os nossos balões os causadores de tudo isso", declarou Lyn.

Fonte: BBC - Brasil - 20/06/08

Comentários:

A política de "acobertamento" continua em vigor. O caso nem foi pesquisado e já aparece a velha desculpa ..." tratou-se de um balão". Será que pilotos experientes conforme o próprio Ministério da Defesa afirmou, podem cometer um erro desses? Confundir um balão com um OVNI?

Sergio Azamb 25/06/2008.

 

Notícias:

 

OVNI explode sobre a ilha de Phu Quoc

 

Esse foi o título dado à notícia divulgada essa quarta-feira pela Agência de Notícias Oficial do Vietnã. Segundo a VNA, um objeto voador não identificado explodiu no ar enquanto sobrevoava uma ilha ao sul do país. Logo após, habitantes da ilha de Phu Quoc encontraram fragmentos de metal cinzento, entre os quais um medindo 1,5 metros. Acrescentaram que as autoridades entraram em contato com companhias aéreas do Vietnã, Camboja e Tailândia, que informaram não haver registros de aeronaves desaparecidas. Soldados foram enviados ao local para procurar destroços ou sobreviventes.

A agência estatal, por sua vez informou: “A explosão aconteceu a cerca de 8 quilômetros acima do nível do solo, e talvez tenha sido um avião, mas as autoridades ainda não conseguiram determinar se foi uma aeronave civil ou militar”.

O vice-comandante da Força Aérea Cambojana, Kung Mony, disse ter recebido informações sobre a queda de um avião estrangeiro em Kampot, província do Camboja, mas logo depois voltou atrás e negou tratar-se de acidente aéreo. No entanto, segundo informações divulgadas pela agência Reuters, uma violenta explosão foi ouvida na província cambojana Kampot, situada a 10 quilômetros de distância da ilha de Phu Quoc. Os habitantes de Kampot garantiram ter encontrado pequenos pedaços de metal junto à costa.

 

Destroços achados por habitantes em Phu Quoc

 

Fonte: VNA e Reuters – 31/052008

 

Notícias:

A igreja Católica começa a manifestar a sua opinião sobre o fenômeno OVNI.

O padre Gabriel Funes, astrônomo do Vaticano informou ao Jornal L'Obsservatorio Romano que: "Assim como existe uma multiplicidade de criaturas sobre a Terra podem existir outros seres, também inteligentes, criados por Deus. Isso não contrasta com nossa fé, porque não podemos colocar limites na liberdade de criação de Deus". O padre reforça que seres de outros planetas também devem ser considerados nossos irmãos, pois fazem parte da criação divina.

 Fonte: Revista Ufo - Maio de 2008.

Comentários:

A doutrina espírita, por exemplo, afirma categoricamente que existem outros planetas habitados no universo.

Escrituras antigas como o Saramangana Soutradhara, o Samar, o Mahabharata, o Drona Parva, a própria Bíblia Sagrada, o Livro de Dzyan a Cabala e etc. falam sobre as visitas e os feitos de seres que vieram de outros mundos.

O fato é que a igreja sabe muito sobre os OVNIs, um exemplo desse conhecimento é a existência de um manuscrito pertencente ao Vaticano autenticado oficialmente por peritos, datando da época do faraó Thutimose III. Nesse manuscrito é possível ler:

"No ano 22, no terceiro mês do inverno, às 6 horas do dia, os escribas da Casa da Vida viram um círculo de fogo no céu. Não tinha cabeça e a respiração de sua boca tinha um odor imundo. Seu corpo era comprido como uma vara e sua largura também. Não tinha voz... O coração dos escribas encheu-se de medo a esse espetáculo, eles deitarm-se no chão de barriga para baixo. Alguns dias depois, essas coisas eram mais numerosas no céu, elas brilhavam mais do que o Sol, nos limites dos quatro suportes do céu.

Como eram poderosos esses círculos de fogo, o exército do rei os olhava e "Sua Majestade" estava no meio".

Podemos supor que o faraó Thutimose III viajava num disco-voador?

Sergio Azamb - 29/05/2008.

Um detalhe curioso!

Pintura renascentista de Fillipo Lippi

A imagem acima é parte da obra do pintor italiano Filippo Lippi um dos precursores do Maneirismo. No detalhe, podemos ver ao fundo uma pessoa de pé ao lado do que parece ser um cachorro, olhando para um estranho objeto pairando no ar. Seria mais um registro da passagem de um OVNI nos céus no passado, feito por um artista do século XV?

 Sergio Azamb - 22/05/2008

 

Arquivo de Fotos  -  http://apurj.nafoto.net

 

 

Notícias, comentários e curiosidades.

Notícias:

Alarme falso!

O editor da revista Ufo, Ademar Gevaerd analisou as imagens do suposto OVNI avistado no dia 19/05/2008, por moradores de Maracaju, município de Mato Grosso do Sul e chegou a conclusão de que se tratava do rastro de um avião a jato. O objeto em questão possuía cauda alaranjada e estava em trajetória decadente no sentido do pôr-do-sol tornando visível o rastro do jato. Segundo Gevaerd esses tipos de relatos são muito numerosos e acabam confundindo as pessoas.

Rastro de jato avistado em Maracaju

Fonte: site campograndenews.com -  20/05/2008.

Notícias:

Sobre a divulgação de arquivos ufológicos britânicos.

Ex-Chefe do Estado Maior da Força Aérea Portuguesa José Lemos Ferreira fala ao jornal português Correio da manhã que na sua opinião O Ministério da Defesa Britânico só disponibilizou os arquivos que "podem ser publicados".

"Revelaram o que entenderam revelar. Há matérias que pode ser reveladas e outras que não. Nunca divulgarão, certamente, as características de aeronaves que estão a desenvolver".

O General Lemos Ferreira teve um encontro com um OVNI em 1957 durante voo de treinamento de navegação entre Portugal e Espanha. O general relata: "Estavamos por cima de Córdova, a uns nove mil metros de altitude, quando vimos algo diferente do habitual: era uma espécie de esfera amarelada". Perguntado sobre o que poderia ser tal objeto o general respondeu: "Ninguém pode dizer a origem. Continuará a ser desconhecido".

Fonte: Jornal "O Correio da Manhã" - Portugual - 17/05/2008.

Comentários:

O Ministério da Defesa Britânico libera arquivos sobre UFOs.

O Ministério da Defesa Britânico liberou recentemente vários arquivos ufológicos correspondentes ao período de 1978 à 2002. Tratam-se de arquivos de ocorrências que são registradas pelos habitantes do Reino Unido. São desde OVNIs avistados por clientes que saíam de um pub (provavelmente após encherem a cara), até uma testemunha que afirma ter visto um disco-voador do tamanho da base de uma garrafa de leite.

Ora vamos! São esses os arquivos que o Ministério da Defesa Britânico afirma estar disponibilizando devido à solicitações baseadas na Lei de Liberdade de Imprensa? Tratam-se obviamente, de arquivos de pouca relevância. Já as pesquisas feitas pela Força Aérea Britânica, pelo Estado Maior e pela Scotland Yard, jamais serão disponibilizados. Esse sim, são os arquivos que gostaríamos de ver publicados. É do conhecimento de todos que os governos dos EUA, Rússia, Inglaterra, França entre outros, escondem informações sobre as suas pesquisas secretas.

Sergio Azamb - 15/05/2008

 Notícias:

 

Uma importante descoberta reacende a discussão sobre a existência de vida fora da Terra.

 

Em abril deste ano, cientistas do Observatório de Genebra, na Suíça, anunciaram a surpreendente descoberta de um planeta com características semelhantes às da Terra. O planeta, ainda sem nome, fica na constelação de Libra que está a cerca de 20 anos-luz da Terra. As temperaturas variam entre 0oC e 40oC, possibilitando encontrar água em estado líquido e outras condições que viabilizariam a existência de vida semelhante a nossa. Alguns pesquisadores ficaram eufóricos com a possibilidade de futuras missões enviadas para o novo astro a fim de investigar a possível existência de vida extraterrestre inteligente

 

Fonte: Revista Ufo - Abril - 2007. 

 

 

Confira:

A filmagem abaixo foi obtida no México quando várias pessoas puderam observar objetos evoluindo no céu noturno.

 

 

 Programa Fantástico, 1997, matéria: A versão oficial sobre os casos de OVNIs no Brasil.

 

Assista abaixo a reportagem: "a noite oficial dos OVNIs no Brasil".

 

Testemunho:

Eu já tive a oportunidade de ver um OVNI. Aconteceu no ano de 1979, não me recordo exatamente o dia e o mês, pois só tinha 11 anos na ocasião. mas, o tempo estava quente, e se não me engano era verão. Meus pais voltavam de um casamento e eu e meu irmão caçula ficamos em casa com meu avô e minha avó. Lembro de minha mãe ter contado depois, que avistaram uma luz a caminho de casa, eram aproximadamente 22:00 ou 22:15hs. Já estavam bem perto de casa vindo do Méier para o Riachuelo pelo bairro Maria da Graça, quando minha mãe comentou com meu pai: “Nossa! Está vendo aquela luz ali?

Deve ser um avião. Mas está muito baixo! O pessoal lá em casa vai levar um susto. Vamos logo!”

E realmente, eles chegaram a tempo de saltar do carro e nos chamar para fora de casa para ver a tal “luz”, inclusive alguns vizinhos que moravam na mesma vila, puderam ver também. O que intrigou a todos foi o fato de que a tal da “luz” realmente parecia a princípio com um farol de avião, porém mais intenso e brilhante, mas era totalmente silencioso, ou seja, não se ouvia o ruído característico que um avião costuma fazer quando cruza os céus. Mas o que aconteceu em seguida deixou a todos estupefatos. A estranha luz quando estava quase acima das nossas cabeças, vinda da direção oeste-leste, misteriosamente se dividiu em duas partes iguais, porém mantendo cada parte o mesmo tamanho de antes da divisão. Separaram-se, uma ligeiramente para a direita e a outra no mesmo sentido e distância para a esquerda e logo após, mantendo paralelamente a mesma trajetória oeste-leste. Deslocavam-se lentamente, com movimentos simetricamente idênticos e precisos. Seguiam adiante numa trajetória que coincidia com o sentido da disposição da vila onde ainda moro, no sentido do final para a entrada. Continuaram nessa trajetória até estarem provavelmente sobrevoando a rua Flack ou a rua Barbosa da Silva. Nesse ponto, aconteceu novamente. As duas partes se juntaram mais uma vez, permanecendo do mesmo tamanho anterior e com a mesma intensidade luminosa. Logo após isso, o estranho objeto desapareceu, seguindo em frente para a linha do horizonte.

Nesse dia em diante, comecei a me interessar por ufologia e comecei a ler e estudar o assunto. Mas foi somente em 1989, quando conheci um cientista que trabalhava com pesquisas biofísicas e Monitoramento Ambiental pelo Cindacta, cujo nome eu não posso revelar aqui, por questões de segurança, o qual eu prefiro chamar pelas iniciais do nome, Dr. M. A., fiquei sabendo que provavelmente tratava-se de sondas extraterrestres.  Eu me lembro que por ocasião de sua visita, o Dr. M. A. lotou a minha casa com os meus amigos, curiosos sobre as suas declarações, pois o mesmo costumava dar palestras no Amparo Thereza Cristina, que fica localizado na minha rua e por isso ele já era conhecido aqui no bairro. Certa vez, ele apresentou slides com imagens de OVNIS captadas por radares do Cindacta em uma das suas palestras e criou um grande alvoroço aqui no bairro. Perdi contato com o Dr. M. A. no final de 1990, quando na última vez em que nos encontramos e ele afirmou que estaria sendo transferido para atuar em um projeto científico na Amazônia, mas prometeu manter o contato através de cartas. Porém, daí em diante nunca mais soube dele, mas das poucas vezes em que mantivemos contatos aprendi muitas coisas. Sendo assim, hoje eu tenho a convicção de que vi literalmente em 1979, um ou dois Objetos Voadores Não Identificados, pois como não pudemos constatar se foram naves ou sondas, não tiramos nenhuma fotografia e não possuíamos instrumentos de observação, só podemos supor isso. Não encontramos qualquer outra explicação para o fato.

 

Sergio Azamb - 1991.

 

 

Caminho do objeto no céu

 

Representação da trajetória do objeto no céu.

Imagem: Sergio Azamb - agosto de 2008.

 

 

Abaixo, a reconstituição da trajetória do objeto sobre o local do avistamento.

 

Recosntituição da trajetória do objeto

 

 

Imagem: Google Earth - agosto de 2008.

 

[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]